O que é uma Landing Page?

Antes de criar uma Landing Page, é interessante perceber o que é realmente e por que razão é tão frequentemente utilizada em campanhas de publicidade online. No Marketing Digital, uma Landing Page é uma página no seu site criada especificamente para uma campanha de publicidade. Essencialmente, é a página para onde os visitantes são encaminhados quando clicam numa publicidade sua no Google ou nas diferentes redes sociais.

Uma Landing Page, quando é bem executada, pode aumentar substancialmente a taxa de conversão do seu website. Para que isto aconteça, existem algumas características que esta página deverá ter. E principalmente, uma Landing Page deve ter o seu objectivo muito claro: o Call to Action (CTA). Esta ferramenta será o aspecto da Landing Page mais importante de destacar, visto que será através desse CTA que os seus visitantes serão convertidos em leads. As diferentes partes da Landing Page irão tratar de dar contexto, informar e convencer os visitantes a utilizar o seu CTA.

Nas próximas secções deste artigo apresentaremos os componentes essenciais de uma Landing Page de sucesso, assim como um guia de boas práticas para seguir quando estiver a criar ou melhorar uma Landing Page para o seu negócio.

Publicidade Online e o seu Website: Homepage vs. Landing Page

Vamos tomar em consideração o investimento necessário para executar com sucesso uma campanha de publicidade online. Dependendo das particularidades do seu negócio, o custo por lead pode ser elevado. Uma boa gestão de publicidade online pode trazer excelentes resultados, mas o sucesso dessas campanhas vai ser sempre condicionado pela sua estratégia de marketing a nível do seu website.

Ao longo do tempo, observamos que muitos clientes tomaram a iniciativa de investir em publicidade. E muitos deles se queixavam de resultados muito aquém das suas expectativas. Não se trata apenas de investir muito dinheiro, e sim de investir esse dinheiro estrategicamente. Após estudar cada caso, detectamos um problema recorrente: o tráfego estava a ser mal direcionado. E as páginas para as quais esse tráfego era direcionado tinham frequentemente uma fraca relação a mensagem original dos anúncios. Isto resultava numa elevada taxa de rejeição, ou bounce rate, e em fracos resultados considerando o valor investido.

Encaminhar o tráfego para a sua Homepage pode realmente resultar na geração de algumas leads. Mas porque não usar uma ferramenta mais eficiente? Uma página optimizada para receber os visitantes encaminhados vai trazer melhores resultados. Na próxima secção iremos enumerar um conjunto de princípios a seguir na construção de uma Landing Page. Se seguir esses princípios, vai perceber que com uma página bem construída vai ter um maior retorno sobre o seu investimento. Desde gerar um enorme número de leads a baixar o custo por lead, pode ser uma ferramenta poderosa.

Princípios de Design orientado para conversão

Há muitas avenidas que podem ser exploradas no que diz respeito a um Layout de uma Landing Page e os elementos que podem existir na mesma, e essas soluções dependem das particularidades do seu negócio e da natureza do seu website. Por exemplo, se o seu negócio envolve vender um serviço ou uma subscrição, será mais interessante optimizar a página com o objectivo de gerar leads recorrendo a um formulário de colecção de dados dos visitantes. Se tem uma loja online e criou uma campanha de publicidade online para determinados produtos, a estrutura seria orientada para optimizar essa venda.

De uma certa forma podemos dizer que não existe um modelo universal que pode ser implementado em todos os casos. Mas existem princípios que devem ser aplicados em todos os casos independentemente do seu negócio.

Passamos a enumerar esses princípios:

  • Contexto

    Acima de tudo, este princípio visa assegurar que o potencial cliente sinta que fez um “bom clique”. Isto é conseguido mantendo uma relação contextual entre o conteúdo da campanha publicitária e o texto de destaque (a headline) da Landing Page. Se um potencial cliente clica numa ligação que diz algo como “Promoção na Loja X: 30% de de produtos de tecnologia” e a headline da página não repetir a mensagem ou algo com uma relação contextual óbvia, muitas pessoas poderão sair da sua página nesta etapa.

  • Foco

    Pode parecer óbvio, mas devemos frisar que é importante pensar no design da página de forma a manter a atenção do cliente focada no que é realmente importante, o Call to Action. A informação que pode figurar na sua Landing Page vai ajudar a convencer os visitantes indecisos, mas vai ser através do Call To Action que esses visitantes serão convertidos. Portanto, para ter uma página de sucesso, esta será a peça central da sua Landing Page.

  • Clareza

    Os textos complementares devem ser claros, concisos, simples. Não dilua a força da sua mensagem com grandes blocos de texto. Considerando o princípio descrito acima, tenha em mente o objectivo da sua página. as informações complementares e testemunhos podem ser importantes, mas em demasia podem criar mais distrações desnecessárias. Elementos como uma lista simples citando as vantagens do produto ou serviço que está a vender e um elemento de testemunhos de clientes costumam trazer bons resultados.

  • Congruência

    Com o Call to Action como peça central, todos os restantes elementos devem funcionar de forma congruente. Se está na dúvida se um elemento da página deveria estar lá, se sentir que esse elemento não acrescenta muito à sua proposta e cumpre uma função essencialmente estética, provavelmente será benéfico remover esse elemento. Simplicidade resulta melhor numa Landing Page, e isto também é verdade no que diz respeito à quantidade de ligações na sua página. Você quer direcionar os seus visitantes para um objectivo específico, não tem grandes benefícios em colocar e evidenciar ligações para outros pontos do seu website.  Isto reduz o foco da sua página e pode torná-la significativamente menos eficiente.

  • Credibilidade

    Um princípio essencial em particular quando se tratam de visitantes indecisos. Escolha os testemunhos e as respectivas fotografias mais credíveis e evite recorrer a fotografias de stock. A sua credibilidade também é medida pelas escolhas que faz na sua mensagem. Se promete o obviamente impossível, muitos potenciais clientes podem ficar com um pé atrás. Infelizmente, a internet está cheia de publicidade enganosa. Será vantajoso se não exagerar imenso nos benefícios do seu produto ou serviço, a mensagem pode parecer mais desesperada que credível. A sua mensagem deverá inspirar, convencer e resolver as principais dúvidas dos seus eventuais clientes.

  • Quid Pro Quo

    Considerando que o objectivo de uma Landing Page pode ser colectar dados de potenciais clientes ou facilitar a venda de um produto, pense no que pode fazer para facilitar esse processo. Uma técnica provada pelo tempo em inúmeras campanhas de sucesso é oferecer alguma contrapartida pelos dados que o potencial cliente lhe fornece no formulário do seu CTA, ou alguma vantagem na compra do produto ou produtos publicitados (cupão de desconto, etc). Essencialmente, está a trocar algo pela informação do cliente. Um exemplo perfeito disto é encontrado em vários websites que vendem packs de faixas de audio utilizadas em produção musical, quase todos eles dispõem de packs grátis, que dão uma boa demonstração da qualidade do serviço, que podem ser seus em troca do seu endereço de email.

  • Continuidade

    Mesmo que a sua campanha de publicidade online estiver terminada, isto não significa que a sua Landing Page deixou de trazer resultados. Estimular os visitantes a partilhar a página nas redes sociais pode ser uma forma de continuar a gerar tráfico. Estas estratégias devem continuar a obedecer o princípio anterior, de forma a que as pessoas retirem benefícios devem partilhar nas redes sociais ou completar uma acção. Nesta fase é também importante estudar as particularidades do tráfego gerado durante a campanha para rever eventuais ajustes ao conteúdo caso queira posteriormente voltar a criar uma campanha de publicidade online. Este aspecto pode ser seriamente melhorado com uma boa gestão de redes sociais.

Anatomia de uma Landing Page

 Captura de Leads

Um modelo possível e muito funcional de uma Landing Page optimizada para capturar leads. A Intuitiva sugere que inclua preferencialmente os seguintes elementos:

  • Proposta Exclusiva de Vendas (Unique Selling Proposition/USP)
    • Uma Headline principal que corresponda à mensagem do anúncio que o visitante clicou
    • Uma sub-headline que reforce a mensagem inicial
    • Uma reafirmação do argumento de venda para manter a atenção do potencial cliente e incentivar que este continue na página
    • Um argumento de conclusão para assegurar que o potencial cliente tem as suas questões ou dúvidas resolvidas e garantir a conversão
  • Hero Shot, uma imagem ou video de apresentação do produto que seja inspiradora
  • Benefícios da sua oferta
    • Sumário dos benefícios
    • Explicação mais pormenorizada dos benefícios
  • Testemunhos: prova social de que a sua oferta, produto ou serviço são exactamente o que o cliente procura
  • Objectivo de conversão (Call to Action), com um formulário para colectar dados
Modelo de Captura de Leads exemplificado:
A Landing Page do Wistia, um serviço de alojamento de video, é um bom exemplo deste modelo bem executado. Simples, elegante, eficaz:

Modelo Click-Through

Outro modelo muito funcional, utilizado mais frequentemente em Comércio Electrónico. A diferença deste modelo para o anterior é a ausência de um formulário de coleção de dados dos visitantes. O conceito é simples: apresentar ao visitante o produto, dar-lhe razões para ele se interessar e levá-lo a carregar no botão do Call to Action para que o potencial cliente entre no funil de venda.

Os aspectos integrantes deste modelo são muito semelhantes ao modelo de Captura de Leads, com uma diferença significativa: este modelo não contém um formulário de coleção de dados. Idealmente, nem contém outra ligação para além do botão do Call to Action, e todo o conteúdo deve ser focado em aumentar a probabilidade do cliente executar essa mesma acção. Uma estratégia muito utilizada nesse sentido é reduzir a quantidade de conteúdo, em particular imagens, que estejam abaixo do botão de Call to Action, para evitar ter elementos que distraiam a atenção do visitante e o concentrem apenas no objectivo.

Modelo Click-Through exemplificado:

Um exemplo muito bom deste formato é do AirBnb. Esta plataforma tem executado Landing Pages de elevada qualidade. O crescimento e reconhecimento de marca é uma boa prova do sucesso das suas campanhas:

Porque utilizar uma Landing Page no meu website?

A razão é muito simples: para melhorar a sua taxa de conversão e baixar o seu custo por lead ou por venda.

Isto acontece porque as Landing Pages focam-se num único objectivo que corresponde à intenção do anúncio que os seus visitantes clicaram para chegar à sua página.

Como desenvolvemos acima, considere novamente a questão de preferencialmente enviar o tráfego para a sua homepage contra a possibilidade de enviar o tráfego para uma página dedicada a optimizar conversões em relação ao anúncio que pagou. Vai perceber que a sua homepage tem um papel muito mais generalista e não cumpriria tão bem essa função. Está carregada de informação menos relevante para a intenção do anúncio e contém demasiados links para outras secções do seu website que não vão apontar os seus potenciais clientes na direção prometida no anúncio.

Para concluir:

Seguindo os exemplos dados, é fácil perceber que existem muitas variações do mesmo formato. Escolher o formato ideal para si é só o primeiro passo, estruturar a informação de forma simples e concisa pode ser desafiante. Em outras situações, pode ser mais vantajoso (ou mesmo imprescindível) fazer textos mais longos.

Seja como for, se não obter os resultados que pretendia, pense no que poderia alterar para melhorar a performance da sua página. Não tenha receio de experimentar!

Em vez de usar uma ferramenta menos eficiente, a Intuitiva oferece-lhe a ferramenta certa para retirar os melhores resultados possíveis das suas campanhas de publicidade.

Se quiser saber como conseguir uma Landing Page ideal para o seu negócio ou sobre Gestão de Publicidade Online ou de Redes Sociais, a Intuitiva está aqui para o ajudar. Entre em contacto connosco!