Web Designer ou Web Developer – qual a diferença?

A diferença entre web designer e web developer é muitas vezes mal entendida. Ambos vivem do mesmo tipo de negócio. Contribuem para a criação de websites mas as suas especializações e habilidades são diferentes. Os designers e os developers geralmente trabalham em conjunto também. Ao invés de competirem, eles complementam-se.

Neste artigo mostraremos a diferença entre ambos. Isto irá ajudá-lo a perceber qual dos dois precisa de empregar para o site que quer criar. Começaremos por definir ambas as profissões. Depois, continuaremos para olhar para a forma como trabalham juntos. Também partilharemos os preços médios à hora que terá que lhes pagar. E para terminar, discutiremos o que é que é comum em ambas as profissões.

 

Qual a diferença em teoria?

 

Web Designer

Os designers ocupam se com a estética de um website. Além disso, a usabilidade e experiencia de utilizador enquanto desenhando são igualmente importantes, senão ainda mais. Os designers não se limitam a “desenhar”. Eles precisam de pensar em muitas coisas ao longo do processo. Algumas dessas coisas são as modas actuais, as normas, e mais importantemente, o comportamento da audiencia alvbo. Não é só o que é apelativo aos olhos. Na maior parte dos casos, tem mais a ver com o tipo de designs que ajudará a despoletar as acções certas por parte dos visitantes. E quando tudo isso é estudado e analisado, o design tem que estar de acordo com o branding da empresa em questão também.

Assim, é importante saber que um designer trabalha tanto no design como no entendimento psicológico daquilo que está a ser desenhado, para garantir que é utilizado para atingir o objectivo. É uma grande adição ao branding de uma companhia.

Um designer geralmente lida com a primeira etapa de criar um website. Eles pensam sobre o que um website precisa e de como precisa de ser estruturado. Esta informação é vital quando passa para um web developer.

 

Web Developer

O Developer contribui para a segunda etapa da criação de um website. Quando toda a estrutura e expectativas estão definidas, um developer pode começar a colocar as coisas em prática. E até aqui, podem existir vários tipos de developers. Quando procura um developer, há 3 opções.

 

Frontend Developer – Se estiver para contratar um frontend developer, ele irá tratar da aparência do site. As linguagens principais são o HTML, CSS e Javascript. Algum trabalho em plataformas CMS também onde podem tratar da aparencia de um website com temas e builders. Neste caso, muito do trabalho feito em código deixa de ser necessário, mas entra o conhecimento de CSS, em particular, continua a ser essencial para alterações ao website sempre que necessário.

Backend Developer – Um backend developer, por outro lado, toma conta do funcionamento interno de um site. Garantir que tudo funciona é a prioridade. Estes developers são os que escrevem mais código e precisam de fazer com que tudo funciona com a parte do frontend. Muitas vezes, isto inclui fazer um site eCommerce funcionar ou até gerir os utilizadores.

Full Stack Developer – Um developer full stack é o melhor de dois mundos. Eles tratam do back e do frontend, o que facilita tudo porque deixa de haver necessidade de comunicação entre duas equipas.

 

Como é que trabalham em conjunto

Os web designers e developers trabalham muito proximamente. Ambas as especializações contribuem para o todo que é ter um site a funcionar que cumpre com as expectativas do cliente. Se um designer e developer estão a trabalhar juntos, geralmente começarão com uma reunião detalhada. Esta é uma parte crucial para todo o processo. Se a comunicação entre os dois lados não funcionar corretamente, irá levar a erros de interpretação e a uma má interface para o utilizador.

Um web designer geralmente partilha a seguinte informação com um frontend developer:

– Esboços da pagina e/ou ficheiros de designer

-Necessidades de funcionalidade

-Propriedades CSS de elementos de design (tais como margem, cor, espaçamento, etc)

Mas se quiser que ambos os lados se entendam perfeitamente, recomenda-se que o developer esteja envolvido no processo de design. Isso não significa que tenha que estar envolvido em todos os passos. Pode ajudar muito inclui-los no brainstorming inicial, por exemplo.

Agora, dependendo do tipo de website que quiser criar, e o orçamento do qual dispões, pode não querer contratar um designer e um developer para um projecto. Se esse for o caso, pode procurar um “hibrido”. Estes hibridos estão envolvidos em ambos os processos e podem ajudá-lo a criar um site do 0, quer em aparencia quer em estrutura, e muito rapidamente. Geralmente trabalham com plataformas CMS; tais como a WordPress. Estas plataformas ajudam-os a terminar um website mais depressa e de forma menos dispendiosa.

Quanto custa contratar um Designer ou Developer?

Se contratar freelancers para criar o seu website, o melhor é fazê-lo corretamente desde o inicio. Se pagar amendoins, receberá macacos. Contratar as pessoas erradas pode acabar por custar-lhe muito mais a longo prazo. Um designer decente cobra entre 40 e 75 euros por hora para fazer o design de um website. Web developers podem ir até aos 150 por hora.

A diferença de preço tem muito a ver com o conhecimento e a experiência que alguém precisa para começar. É mais fácil começar como web designer do que ser um web developer por causa da barreira inicial. Um designer irá tipicamente precisar de saber as bases do design de interfaces, comportamento da audiência alvo e software gráfico, como o photoshop. Embora estes não sejam fáceis, não são tão complicados como o que o developing requer. Ser um developer inclui ser mais especializado na resolução de problemas, criação de algoritmos, coding em várias linguagens e mais.

 

Porque é que perceber a sobreposição entre ambos é relevante

É importante saber porque é que estamos a contratar um designer ou developer e o que esperamos de cada um. Está disposto a contratar ambos para criar o melhor resultado possível? Ou quer colocar todos os seus ovos no mesmo saco e escolher alguém que faz ambos e utiliza uma plataforma CMS; como a WordPress, para o fazer? Se escolher a primeira opção pode fazê-lo à sua maneira. Se escolher a segunda, certamente pagará menos.

Em empresas maiores, a separação mantém-se. Geralmente trabalham em equipas. O que tem os seus benefícios. Quando ter uma equipa de especialistas em áreas especificas, todos podem ficar atualizados com as ultimas modas e desenvolvimentos, levando a um produto final de maior qualidade. Mas a separação entre developers e designers tem ficado cada vez mais pequena. Cada vez mais, podemos ver web designers a escrever código e developers a desenhar. Não necessariamente para se tornarem num híbrido, mas para se tornarem melhor na especialização que já possuem.

 

Conclusão

Quando decide subcontratar para a criação de um website e contratar freelancers, provavelmente perguntar-se-à se deveria contratar um web designer ou um developer. Ambas as profissões são muitas vezes confundidas, embora sejam bastante diferentes. Para criar um website, tecnicamente precisará de ambos.

Mas há muitas pessoas por ai que oferecem ambos os serviços ao mesmo tempo.

Se precisa de um website novo, fale connosco, leia o nosso artigo informativo sobre quanto poderá custar-lhe um website e sobre o que ter em conta quando procurar um webdesigner ou web developer.