Ajudamos-te a Criar Um Site Profissional Para a tua Empresa Gerar Mais Leads

Como criar um site profissional em 2024?

Precisas de um site profissional.

Precisas de ter sucesso.

Não podes falhar.

Não queres fazer parte das terríveis estatísticas.

Como vamos fazer isto?

Há uma maneira certa de criar um site profissional bem sucedido.

A diferença entre um site profissional e um site amador, é a capacidade do site gerar leads.

Tu não precisas de um site novo, tu precisas de um site que atraí visitas e gera leads! Isso é o que te vai permitir fechar negócios e vender mais!

Vamos dar-te o algoritmo que precisas para encontrar a solução adequada para conseguir criar um site com essas capacidades.

IMPORTANTE: Reserva 5 minutos do teu dia para leres este artigo até a o fim e terás tudo o que precisas para criar um site profissional de sucesso, sem deixar nada em cima da mesa!

Fundamentos da criação de sites profissionais

Criar um site profissional é fundamental para o sucesso de qualquer projeto em 2024.

Um site profissional tem que ter velocidade, responsividade e uma estratégia de content marketing pensada para ajudar a criar leads.

Com um site profissional, consegues não só gerar leads, mas qualificar essas mesmas leads e começar logo a trabalhar na venda (resolução de objeções).

Para criar um site profissional, temos que começar por saber como vamos “engajar” com o nosso ICP, Público Frio, Público Quente e CRO.

É normal que não saibas ainda o que significam estes termos, e é isso que vais aprender neste artigo, assim como a possibilidade de nos pedires uma proposta personalizada para criar o teu site profissional, se quiseres a nossa ajuda, e se de facto formos um bom match para trabalharmos juntos!

Como pode um site profissional gerar mais leads e mais vendas?

Na economia de atenção em que vivemos, as pessoas não têm menos capacidade de atenção, têm sim é standards muito mais elevados, para aquilo a que dão atenção.

É por isto que os “algoritmos” das redes sociais funcionam tão bem. Eles têm uma grande capacidade de personalização e de entrega daquilo que mexe com as nossas perferências.

Um profissional site não é diferente.

Para chegares aos teus clientes com capacidade de os cativar, tens de responder rápidamente ao que procuram e tens de ter uma oferta distinta.

Esta é a base de tudo para a criação do teu site profissional.

Tens de saber muito bem, como e para quem é o que vendes, e como comunicar o valor que existe em fazer negócio contigo, de uma forma clara, transparente e sucinta.

Isto tem que ser rápido, evidente, quase subconsciente, e começa pela forma como te posicionas.

O posicionamento é um conjunto de esforços e resultados das tuas ações, desde a criação da tua marca, da identidade visual da mesma, do design que é utilizado na criação do site, dos conteúdos, dos meios em que os conteúdos são sustentados, e das ações possíveis de concretizar no site.

Mas antes, a questão “preço”

Muitos clientes chegam até mim com o seu cérebro em “modo preço”, e não há nada de errado nisso, excepto talvez tudo.

É impossível criar um site profissional em Portugal, planeado, com qualidade, abaixo dos 2500€, e neste artigo explicamos detalhadamente porquê.

Contudo este valor pode estar fora das contas de muitos empreendedores que estão agora a começar. Nestes casos terás que optar ou por construir tu mesmo, ou por uma solução menos eficaz.

Este é um problema comum, muitos novos negócios vão há falência nos primeiros 2 anos de atividade e a maior parte não passa dos 3.

A maior parte destas falências ocorrem por falta de planeamento da estratégia de marketing.

Portugal está na cauda da literacia financeira da Europa, e não será um espanto assumir que muitos dos nossos empreendedores não têm um domínio pleno do planeamento e gestão financeira.

Não planear é planear para falhar. Se tens ideias de construir um negócio, ou melhorar o teu negócio atual, tens acima de tudo, de ter vendas.

Tens de saber exatamente como o teu negócio gera dinheiro, e que gastos tem, para que possas planear um saldo positivo.

Nesse plano, nessa estratégia, o investimento em marketing é fundamental. E porquê? Porque o marketing só tem um propósito, o de te trazer mais vendas.

Se não sabes como vender online, como atrair clientes através de campanhas nas redes sociais, se não tens um orçamento válido para criar um site verdadeiramente profissional, para teres uma comunicação e posicionamento correto, o mais certo é rapidamente te veres no lado errado destas estatisticas.

Mais de 50% das novas empresas em Portugal não chegam aos 3 anos

Com base nas fontes mais confiáveis, especialmente os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), podemos resumir a situação das novas empresas em Portugal da seguinte forma:Aproximadamente 24,5% das novas empresas em Portugal não sobrevivem aos primeiros dois anos de atividade, enquanto cerca de 51,5% não chegam a completar três anos de existência

Mais especificamente, a taxa de sobrevivência das empresas após um ano é de 75,5%, e após três anos cai para 48,5%.Esta informação fornece uma visão mais precisa e atualizada da situação, baseada em dados oficiais do INE para o ano de 2022.

É importante notar que estes números representam uma melhoria em relação a anos anteriores, mas ainda indicam desafios significativos para as novas empresas nos seus primeiros anos de operação.

O “valor”

Preço e valor, não são a mesma coisa. Não tens que levar uma empresa ao chão para aprenderes isto.

Não se fazem bons negócios com “grandes preços”, o valor não reside no preço.

O valor reside nas soluções, e as soluções certas, tem o seu preço, que é o investimento necessário para a sua implementação.

Um grande negócio é a criação de uma solução que trás imenso valor para o teu negócio. Que te trás capacidade para atrair e converter novos clientes.

É exatamente essa solução e esse tipo de valorização que apresentamos aos nossos clientes na Intuitiva.

Na criação de sites, a variação de preços que encontramos é ampla e reflete a qualidade e experiência de quem cria o site. Montar uma página ou instalar o WordPress, não é o mesmo que criar um site profissional.

As consequências de contratar um amador ou uma oferta muito simples e “commodotizada“, podem ser desastrosas para o futuro do teu negócio, principalmente se te deparares com situações como:

  • Não ter visitas;
  • Visitas que saem rapidamente do site;
  • Não conseguir gerar leads;
  • Não conseguir vender;
  • Não saber o que fazer ao site, depois de estar construido;
  • Não ter uma estratégia de conteúdo para o site;
  • Não ter uma estratégia de SEO para o site;
  • Não ter autonomia para gerir o site sozinho;
  • Não saber o porquê de nenhuma destas situações ou de como resolvê-las.

TL;DR – Quanto investir criação de sites profissionais?

Um site profissional, em Portugal, começa nos 2500€.

Criar um site e montar uma página são duas coisas muito diferentes.

Montar uma página, é algo que consegues por um valor mais baixo, mas não esperes que essa página / site consiga alcançar grande coisa.

Um site profissional precisa de ser pensado, isso começa logo na pesquisa de mercado, o que vai verdadeiramente ditar quanto deves investir no teu site, são os teus concorrentes.

Eu venho de uma cultura de growth hacking e acima de tudo considero-me um growth hacker, mais até que um criador de sites.

Contúdo, é preciso ser realista, s teus concorrentes diretos provavelmente têm mais recursos.

Estão há mais anos no mercado e estão a investir ativamente recursos significativos na sua exposição e alcance nos canais digitais, incluindo no seu site.

Não é realista pensar que é com uma página montada em cima do joelho por um freelancer part-timer (que te fez uma proposta com um valor bom demais) que vais conseguir fazer a diferença e “roubar” quota de mercado aos teus concorrentes.

Aponta para os 2500-5000€ como o valor mínimo para cobrir as multiplas etapas de prototipagem e planeamento do teu site.

Se quiseres a nossa ajuda, podes contar com orçamentos modestos e adequados para sites que querem maximizar o investimento na sua capacidade de gerar leads e novos clientes.

Nada como falarmos, sem compromisso, usa este formulário para começar aqui.

Se a tua empresa tem mais capacidade e para além de quereres um site capaz de gerar negócio (leads), queres apostar na tua marca como um premium e criar uma super experiência interactiva enquanto site, então podes multiplicar por 10x e começar a pensar num investimento mínimo entre os 25000 e os 5000 mil euros.

Tabela de Preços

Preços para Criação de Sites em Portugal

Tipo de SiteIntervalo de ValoresManutenção/mês
Site SimplesEntre 1500-3500€Desde 29€
Site Empresarial, Startup ou InstitucionalEntre 2500€-10000€Desde 59€
Landing Page de Elevada ConversãoDesde 1500€Desde 59€
Loja Online ShopifyDesde 1500€Desde 59€
Preços para criação de sites, em Portugal, em 20024

Criação de Sites Profissionais numa Economia de Atenção

Como podes esperar destacar-te se vais seguir o mesmo caminho que todos os demais?

A criação de sites profissionais não é uma “commodity”. Não basta escolher um template de um site, igual aos demais.

Como podes esperar destacar-te se vais seguir o mesmo caminho que todos os demais?

Economia de Atenção na Criação de Sites Profissionais
A Economia de Atenção exige um site planeado para cativar e responder rápidamente ao que as visitas procuram.

Na economia de atenção, plena, em que vivemos – vence quem consegue captar a atenção e o interesse do seu perfil de cliente ideal.

Um bom marketeer experiente consegue criar um site profissional com taxas de conversão elevadas que apelam ESPECIFICAMENTE ao perfil de cliente que a tua empresa quer ter e conquistar!

A capacidade de conversão de um site profissional bem feito, é simplesmente incomparável à de um site que foi comprado pela etiqueta de preço, e não pelo valor que trás para o teu negócio.

Um bom site é sofisticado, não só visualmente, mas acima de tudo táticamente – esta é a diferença que tens que ter para os teus concorrentes, e é aqui que a Intuitiva se distingue.

Capacidade de Converter

A importância da taxa de conversão na criação de sites profissionais

Na criação de sites profissionais, o que conta mesmo, e o que define se o negócio foi bom ou mau, é a capacidade final de gerar leads e vendas.

Ou seja, a capacidade do site de converter, dentro do perfil de cliente.

Isto é o que se chama de CROconversion rate optimization.

Um bom site consegue oferecer uma taxa de conversão de tráfego qualificado de pelo menos 3 a 5%.

Existem multiplas boas práticas que seguimos para garantir que um site novo criado por nós, tem as melhores hipoteses de converter visitas em leads com uma taxa de conversão dentro deste intrevalo.

A conversão é a capacidade de um site profissional converter visitas em leads e leads em clientes

As empresas que são líderes de segmento, investem milhares de euros em identidade visual, no seu site, e recorrentamente na criação e gestão de campanhas de marketing digital.

Estas sobrevivem muito mais que 3 anos no mercado Português.

São empresas e projetos que foram atrás do valor invés do preço.

Podiam ter contratado um estagiário.

Podiam ter criado uma identidade visual com prompts do Chat GPT.

Podiam usar templates do Canva.

Podiam ter feito um curso de gestão de tráfego invés de contratar um gestor.

Podiam ter sido “mais esperto que os outros” e ficar no topo do segmento anos a fio?

A resposta é simples, a experiência tem um custo, o saber fazer tem o seu preço.

O valor esperado é uma boa forma de avaliar o potencial de um negócio.

O preço, simplesmente não nos diz nada.

Qual a tecnologia certa para criar um site profissional?

Outro fator fundamental na criação de um site profissional, é a escolha das opções tecnologias para a criação do site.

Que plataforma ou software vai ser usado para criar o site?

A escolha deve recair consoante os objetivos que temos para o site, e para a sua manutenção e gestão futura.

Investe em infraestrutura digital para a tua empresa, que faz a diferença, mais leads, mais vendas.

Preenche o formulário abaixo e vamos descobrir se somos um bom match!

“Tenho seguidores nas redes sociais, preciso de um site?”

Frequentemente perguntam-me se “Vale a pena criar um site, ou basta um perfil nas redes sociais?”

A resposta é simples, um site é teu, tua propriedade, as redes sociais e os perfis nas redes sociais não o são.

E isto diz-nos tudo o que precisamos.

Ninguém dorme descansado se o risco de perder tudo da noite para o dia existir. Diversificar é chave.

Deves ter perfis nas redes sociais pois é onde estão os teus futuros clientes. Mas também deves ter a tua propriedade digital, a tua plataforma, onde és tu que mandas e decides, não um algoritmo, não um bilionário qualquer e as suas agendas pessoais.

Nunca coloques o futuro do teu negócio e dos teus investimentos à mercê de terceiros…

Se as regras da rede social mudam e deixas de conseguir chegar aos teus clientes?

Não é admissível colocares o teu negócio nas mãos de terceiros.

Um site profissional é a tua base digital

A melhor opção é criar um site profissional como a base digital do teu negócio, e continuas a usar as redes sociais para gerar visitas ao site.

Estudos mostram que um site profissional, em média, pode aumentar com relativa facilidade os lucros de um negócio em mais de 45%, contúdo as empresas Portuguesas investem apenas 10% da sua faturação no marketing, e na hora de desenvolver um projeto como o website, muitas optam pelo serviço mais barato, um erro crasso.

Outro ponto frequentemente negligenciado é o serviço de manutenção e alojamento, essencial para a performance do site.

Um serviço de alojamento de sites não profissional pode não suportar muitas visitas simultâneas, tornando o site inacessível – e isso nem sempre é óbvio na gestão!

3 segundos…

É tudo o que tens antes que alguem saia do teu site, se ele não estiver completamente carregado.

Se o teu site demorar mais de 3 segundos a carregar, é como se não existisse.

Lembra-te, mais uma vez, o barato muitas vezes sai caro.

Alojamento profissional

Quando crias um site, o alojamento que escolhes tem um impacto muito grande na velocidade de carregamento do site.

Investe o necessário para um trabalho de excelência que realmente impulsione a tua presença digital.

Quanto ao alojamento para websites, opta por um serviço GERIDO – a palavra-chave aqui é gerido!

Alojamento profissional é fundamental para criar um site profissional. Até a frase faz sentido certo? Se fosse alojamento amador e site profissional, não fazia muito sentido.

O problema é que toda a publicidade a alojamento de sites diz que é profissional. São todos profissionais. Será que temos de fazer mais um exercício (p)reverso para perceber as diferenças?

Muitas empresas que oferecem registo de domínios tentam “vender “impingir-te” alojamento para sites, supostamente “profissional”, estes não são geridos, ou seja, quando tiveres um problema, és tu que o resolves. Estás por tua conta, e risco.

web designer a criar mockup de site profissional
O design de sites profissionais distingue-se pela prototipagem

Diferenças entre um Site Profissional vs Site Amador

Branding na criação de sites
Antes do site, cria a tua identidade visual, é aí que o teu posicionamento começa

Um site profissional é coerente com o teu branding e posicionamento

Opta por exigir um site visualmente consistente e coerente com a tua marca.

Não tens identidade visual? Começa por aí antes de criar o site.

Existem custos envolvidos com a criação de sites, que devem ser contabilizados, e que são custos mensais e anuais.

Como e manutenção de sites de todas as diferentes dimensões, desde sites profissionais passando também pelo custo de um site feito por si mesmo!

Não há almoços grátis... não é só fazê-los, tens de os criar…

O planeamento de um site profissional incluí a gestão do site, das licenças, plugins, alojamento, etc..

Realisticamente, vais necessitar de manter o site sempre atualizado, gerido, e com funcionalidades que dependem de plugins, e estes também apresentam custos, sejam eles contabilizados de forma mensal ou anual.

Categorias de Sites

Existem diferentes categorias de sites, vamos dividi-los nas 5 categorias principais e explorar os custos associados ao investimento na criação de cada um.

Site Profissional Simples

Estilo brochura, composto por uma a cinco páginas com múltiplas secções, por exemplo uma landing page (página de destino) e uma página de contacto.

Um website básico é composto por entre uma a cinco páginas, e apenas tem funcionalidades simples. São excelentes se quisermos uma presença online simples. São ideais para profissionais por conta própria, em industrias tradicionais, que não precisam de fazer updates constantes.

Investimento total de um site profissional simples

Entre 2500 e 10000 euros.

Ao planeares a crição do teu site, não te esqueças que as suas necessidades irão evoluir.

Se estiveres a planear expandir a tua empresa, ou prever aumentos súbitos no número de visitas ao seu site, informa o gestor do projecto, para que o teu site esteja preparado para qualquer desafio futuro.

Custos adicionais na criação de sites profissionais simples

  1. Design e construção: Desde 1500€
  2. Produção e Marketing de Conteúdos: Desde 1000€
  3. Manutenção, Actualizações e Alojamento: Desde 50€/mês.
  4. Gestão do site, textos e imagens: Desde 35€ a 200€/hora.

Estes preços dependem do tamanho e complexidade do site e de quem irá fazer as actualizações do site e dos conteúdos.

Tem em consideração que uma grande parte do tempo dispendido a criar o teu site está na produção dos conteúdos para o mesmo.

Fornece referências de outros sites em relação ao que procuras, prepare um guia de normas da marca ou cria a tua identidade visual, antes da construção do site.

Sabe especificamente quantas páginas ou secções vais precisar, ou pede um orçamento com produção de sitemap, com indicações dos textos e imagens a colocar nas páginas.

Site Profissional Institucional, Empresarial e Startup

Várias páginas ou página única com várias secções, rico em funcionalidades e com integração com redes sociais, optimização para motores de busca, e Google Analytics.

É a opção adequada para startups, pequenos negócios, freelancers e pessoas que precisam de fazer updates com alguma regularidade.

Investimento total expectável na criação de um site profissional Institucional

A partir de 3500€ para um site com prototipagem.

Custos adicionais na criação de sites profissionais Institucionais

  1. Design e construção: Desde 2500€
  2. Produção e Marketing de Conteúdos: Desde 1500€
  3. Manutenção, Actualizações e Alojamento: Desde 90€/mês.
  4. Gestão do site, textos e imagens: Desde 35€ a 200€/hora.

O processo de desenvolvimento para sites profissionais, do tipo institucionais ou startup, já requer um pouco mais que um site simples, e é a oportunidade ideal se procuras um upgrade ao teu site já existente.

O aumento do custo de um site para pequenos negócios é a concepção e gestão de um funil de vendas integrado.

Um site profissional para um pequeno negócio ou startup, requer o planeamento e integração das campanhas de anúncios para gerar visitas ao site.

Opta por um site profissional com um design responsivo e um sistema de gestão de conteúdos, como é o caso do WordPress (porque é open-source).

Um site profissional, quase sempre, inclui uma secção de noticias ou destaques, que irá requerer actualizações e inserções de conteúdos regulares, inseridos numa estartégia de conteúdos continua.

Loja Online Profissional

As funcionalidades da loja online exigem um site com capacidade para gestão de vendas, seguimento de envios, diversos meios de pagamento, assim como acompanhamento ao cliente e gestão da encomenda.

É muitas vezes essêncial para qualquer negócio que queira vender online, e tenha um inventário de produtos físicos.

Investimento total na criação de sites profissionais com Loja Online

A partir de 1500€ para lojas Shopify.

Custos adicionais na criação de uma Loja Online Profissional

  1. Design e construção: A partir de 1500€
  2. Produção e Marketing de Conteúdos: Desde 1000€
  3. Manutenção, Actualizações e Planos Shopify: Desde 50€/mês.
  4. Updates de conteúdos e produtos, textos e imagens, inserção de produtos, gestão de catálogo de produtos: 35€ a 200€/hora.

O custo deste tipo de sites pode variar bastante.

O preço é afetado pelo número de produtos que queremos ter em stock, e o numero de variedades de cada produto que está acessível para compra.

Também, claro, dependerá do número de funcionalidades individuais que queremos incorporar.

Podemos esperar que um design para loja online inclua um sistema de gestão de vendas, tracking de entregas e uma funcionalidade de live chat, para além de todas as funcionalidades já presentes e exigidas para um website profissional.

Ao planeares a tua loja online, é importante pensar bem em tudo o que será necessário para gerar confiança junto do cliente.

Precisa que os visitantes fiquem a ler artigos, e que se envolvam com as suas redes sociais? Quer que as visitas voltem ao site? Ou será uma loja mais simplificada em que as pessoas fazem as compras o mais depressa possível sem muitas opções? A maior parte das vendas será efetuada através de dispositivos móveis, como um smartphone, ou pelo desktop?

Em adição à manutenção normal, o alojamento, domínio e custos de design, sugerimos que também considere os custos de um certificado SSL profissional.

Isto irá adicionar mais uma camada de segurança ao seu site, o que dará uma melhor sensação de segurança aos clientes.

Isto dará ao site um prefixo “https” ao invés de “http”, o s significa seguro, e isto é levado a sério. Especialmente pelo Google.

DIY / Fazes tu o site / Site Builders

Claro que, a opção mais barata é o DIY (Do it your self ou em Português o Faça-você-mesmo).

Esta é de resto, a minha recomendação, sempre que me dizem que XYZ faz mais barato.

Há vários designers de sites no mercado que permitem a criação de um site simples, mas com contrapartidas.

Requerem o teu tempo, têm uma curva de aprendizagem que pode ser complexa de mais para o seu nível de utilização tecnológica, e caso requeira funcionalidades mais avançadas, podem não existir ou podem requerer pagamentos elevados e muitas vezes recorrentes.

Os construtores de sites como a Wix, também assumem que tens tempo para te dedicar à construção do teu site, e ainda mais tempo dedicado à sua gestão.

Em suma, se tens mais tempo para criar o teu site, e isso é mais barato para ti do que contrares alguém para o fazer, a minha sugestão é que consideres uma mudança de carreira, e passas a ser web designer especialista em marketing, uma vez que te compensa mais do que investir tempo no teu core business.

Fica ao teu critério, como se costuma dizer, tempo é dinheiro.

Um site feito com um site builder não é gratuito e os custos recorrentes podem ser elevados

Criar um site desta forma não só implica que ficas limitado às funcionalidades do site builder e ao desenvolvimento da equipa por trás do mesmo. Mas também lhes ficas a pagar.

Ao contrário do esperado, os sites builderes não existem por caridade nem são comparticipados pelo governo. Pelo menos ainda.

Site builders como o Shopify, o Wix ou Square Space, não são open source.

Ficas refêm da empresa que criou o builder, o site nunca é verdadeiramente teu porque não o podes migrar para outro lado.

Um site feito num builder é menos resiliente, pode ser “deitado abaixo” ou “sequestrado” a qualquer momento, para além de que o alojamento destes builders costuma ser partilhado e limitado, o que significa que se o seu site tiver muita afluência, possivelmente vai “abaixo” e deixa de estar acessível, ou então, vais ter de pagar um premium por recursos adicionais.

Se o teu negócio precisa de um site profissional, um site feito com um destes builders “closed-source” é algo que a longo prazo te vai custar muito dinheiro.

Até posso ser suspeito mas sugiro que me contrates para te auxiliar na criação do teu site, em detrimento de soluções “commoditie” como é o caso da maioria destes builders estilo Wix.

Exemplos de site builders

Dentro do universo dos site builders, estes são os mais conhecidos:

Um tema comum entre estes sites builders é a promessa de facilidade e rapidez e de não necessitar de ser um criador de sites profissional, na teoria, porque na pratica não será assim.

Muita gente recorre a estes builders e muitas vezes ficam frustrados.

É simplesmente impossível que a mesma solução standard sirva para todos os negócios, quando sabemos que cada empresa tem a sua personalidade e conjunto próprio de desafios.

Ainda assim, tem o seu lugar no mercado, à falat de maior disponibilidade financeira, podem ser uma opção.

criação de sites profissionais

Custos Adicionais Com a Criação de Um Site Profissional

Ao criar um site profissional existem custos adicionais além do design e desenvolvimento.

O custo do domínio é um deles; é um custo anual para o endereço do site, essencial para a identidade e acessibilidade online do negócio.

Mesmo que opte por fazer o seu próprio site, vai ter sempre que pagar o registo anual do domínio do site.

Aqui os custos variam conforme a extensão (sufixo) do site que escolher. Um site .pt ou .com usualmente tem um custo de renovação entre os 20€ e 30€ anuais.

O alojamento é outro custo que não deve evitar, referindo-se ao serviço que armazena os dados do site e o mantém acessível na internet.

Opte por um alojamento com qualidade para garantir um site com acesso rápido a quem o visita!

Além destes dois custos, podem existir despesas com a segurança do site e com plugins de funcionalidades, que muitas vezes não são gratuitos e acarretam custos anuais com licenças e atualizações.

Um exemplo comum são os certificados SSL e as ferramentas de otimização para motores de busca (SEO), que são vitais para melhorar a visibilidade e o tráfego dos websites.

Custos anuais fundamentais

Estes custos, embora adicionais, são fundamentais para uma site profissional.

Asseguram que o site funcione de forma eficaz e segura, representam um investimento essêncial na presença digital do negócio, são o custo de fazer negócio no canal digital.

1. Alojamento do Site

Com a cloud o teu site está num servidor virtual em infraestrutura escalável.

Recomendamos a Cloudways.

A Cloudways é uma opção popular por várias razões

Para começar, os planos podem acomodar grandes aumentos no número de visitas.

É fácil adaptar o alojamento na cloud para acomodar as nossas necessidades e só pagamos o que utilizamos.

É a melhor opção para sites profissionais com muitas visitas – por exemplo, se pensa investir em campanhas de publicidade como fonte de tráfego.

O alojamento na Cloudways permite que o teu site não lute por recursos partilhados com outros sites, o que é um problema comum com alojamentos partilhados.

É uma opção lógica para um site com exigências e preocupações com o posicionamento e experiência que a marca espera obter e proporcionar.

2. Content Marketing

Para além dos custos de alojamento, também precisaremos de ter em conta o custo das atualizações, da gestão do site e da produção de conteúdo – o chamado marketing de conteúdos – que é vital para o sucesso de qualquer site profissional.

Um site nunca está realmente “concluído”

Daí dizermos muitas vezes que o web design e a construção de sites são um serviço contínuo e não um produto. Opta por uma parceria a longo prazo.

Assegura-te que tens uma estratégia de marketing de conteúdos e faz os updates ao teu site com  regularidade. Só assim é possível manter os visitantes do site interessados.

Para além disso, atualizar conteúdos é uma ação essêncial para o SEO, de forma a que o site possa aparecer no topo dos resultados de pesquisa do Google.

Outro ponto a ter em conta é a visbilidade online do site através das campanhas de publicidade. Esta é uma das grandes diferenças entre um site amador e um site profissional.

Um site profissional é sempre parte integral de um plano de marketing digital.

Marketing de conteúdo

É muito importante que a produção de conteúdos esteja alinhada com a estratégia de marketing.

Define bem qual é o perfil do teu cliente ideal e que conteúdos apelam à ação do teu público alvo.

Caso optes por contratar um gestor de conteúdos, como a Intuitiva, deves ter em conta que o investimento pode ser muito variável.

Contratar um fotógrafo ou videografo para recolher um conjunto de imagens e videos para a produção de conteúdos é essêncial para um site ter um posicionamento profissional.

É algo que podes fazer tu próprio, se tiveres tempo, e se tiveres o equipamento e conhecimento necessário.

O preço médio de uma sessão ou reportagem fotográfica, em Portugal, pode ir desde os 200€ aos 2000€, dependendo dos requerimentos, equipamentos, uso de modelos, licenças, etc.

Especialista em SEO a otimizar um site profissional
SEO na criação de sites profissionais

3. Otimização SEO

Imagina que tens uma pastelaria em Lisboa. Quando pesquisas “pastelaria em Lisboa” aparecem-te imenso resultados no Google. Como fazer com que o teu website apareça logo em primeiro?

Sim, porque o primeiro resultado tem em média 2 vezes mais visitas que o segundo!

E à medida que avançamos nos resultados, os lugares inferiores quase não têm visibilidade. Por exemplo, a partir do 10º lugar, um site profissional recebe menos de 1% das visitas resultantes de uma pesquisa.

Quem decide o teu lugar nos resultados de pesquisa é a própria Google, e ninguém conhece a “fórmula exata”.

Muito tem a ver com a relevância do teu negócio para a pesquisa que foi feita, e no quão optimizado o teu site está.

Contudo, há outras coisas que podes fazer para garantir que o teu site apareça o mais acima possível nos resultados de pesquisa do Google.

SEO para Sites Profissionais

SEO significa Search Engine Optimisation, ou seja otimização para motor de busca, é o processo de fazer com que um site ganhe o máximo de visibilidade possível nos resultados de pesquisa, o que irá significar mais negócios para ti!

Os motores de busca dão mais destaque a sites profissionais que carregam mais depressa e que oferecem a informação que as pessoas procuram, entre outros fatores.

Um serviço de gestão de SEO em Portugal começa, em média, a partir dos 250€ mensais, não incluíndo os custos com a produção de conteúdos para SEO.

A este investimento acrescer a produção de artigos originais e conteúdo estrategicamente relevante para que o SEO tenha resultados.

Etapas de Desenvolvimento

Se chegaste até aqui, já tens um bom entendimento sobre a os requerimentos para planeamento e criação de um site profissional.

Um negócio com ambição, investe até 15% da sua faturação anual em marketing digital, e a criação, gestão e manutenção de um website é uma parte fundamental da tua estratégia de marketing.

Se não olhas para o teu site como uma parte fundamental da tua estratégia digital, não sou a pessoa certa para te ajudar, e certamente que concorrentes teus o estão a fazer muito a sério.

1ª Etapa: Proposta de Desenvolvimento Profissional

Cada projeto de web design resume-se ao objetivo que temos para o nosso site.

Se for apenas um site simples para mostrar produtos ou serviços, então o processo não necessita ser extenso.

Contudo, se o nosso site for um elemento fundamental da nossa prestação de serviços, poderá ser um projeto amplo, e tudo depende dos objetivos que pretendemos atingir.

O segredo para desenvolver um site de sucesso é assegurar que conhecemos exatamente o que queremos e, mais crucial ainda, compreender o que necessitamos!

Na Intuitiva, rejeitamos a abordagem de soluções “tamanho único”. Dedicamo-nos a compreender profundamente as suas necessidades específicas, a sua visão e objetivos, para assim desenhar e construir um website que não só atenda, mas supere as expectativas dentro do seu contexto único.

2ª etapa: Estrutura do Site Profissional

Os modelos são cruciais para compreender o conteúdo que será exibido na página, a sua estrutura, o fluxo de utilizadores e como o site funcionará de forma simplificada.

É fundamental entender estes aspectos antes de nos entusiasmarmos demasiado com o design final do website; é mais importante definir a funcionalidade e perceber como as páginas irão operar individualmente e em conjunto – fazer isso ajudará a alcançar muitos dos objetivos especificados.

3ª etapa: Identidade Visual e Design do Site Profissional

A identidade visual é uma extensão da personalidade de um negócio ou marca, e é por isso que é crucial que a agência escolhida compreenda profundamente os valores da sua marca. Sem esta compreensão, podem ocorrer falhas significativas no design, ou pode-se acabar por incorrer em despesas adicionais desnecessárias que desviam do objetivo original.

Embora não existam regras inflexíveis sobre a estética de um site, é vital assegurar uma experiência de usuário impecável e um design que respeite e reflita os princípios da sua marca.

4ª etapa: Criação do Site

O desenvolvimento é quando a agência escolhida pega num design e o torna funcional.

Há dois tipos de criação de websites: Frontend e Backend.

A programação e desenvolvimento frontend lida com aquilo que o utilizador observa, tal como o design e conteúdo visível nas páginas do website.

Já a programação e desenvolvimento backend, é responsável por tudo o resto, primariamente pelo fluxo de informação, como as bases de dados, sistema de gestão de conteúdos, plugins, e até mesmo parte do dashboard com que gere o seu website.

É uma etapa fundamental e complexa, e como tal pode tratar-se de um processo demorado que pode levar semanas ou meses a concluir.

5ª etapa: Controlo de Qualidade

Existem 3 testes essências pelos quais qualquer website desenvolvido pela Intuitiva é sujeito.

O primeiro é o on-page, que verifica se uma funcionalidade do teste que foi pedida, desenhada e desenvolvida funciona realmente.

O segundo é o teste de acessibilidade de utilizadores, que envolve garantir que tudo o que precisa de ser acessivel para o utilizador está, e que funciona perfeitamente.

O tipo final é o melhoramento. É um teste continuo que procura descobrir se há alguma funcionalidade do site que pode ser feita de uma melhor maneira: Pode um certo elemento ser movido para funcionar de forma mais eficaz, encorajar mais engagement e ajudar as pessoas a entenderem melhor o que estão a fazer?

Os dois primeiros tipos de testagem são mais eficazes antes do lançamento do site, enquanto que o terceiro deverá ser efectuado regularmente para garantir uma refinação continua do site.

6ª etapa: Ativação

O estado final é ativar o seu site profissional. Vamos colocar o site online e acessível a todos!

É muito importante garantir que atingiu todos os objectivos pedidos, mas também é importante saber que nada é 100% perfeito no lançamento.

Ou melhor, o site nunca será perfeito, pois terá sempre lugar para melhorar com a evolução tecnológica.

Não adie o lançamento do seu website, feito é melhor que perfeito, sempre!

Só porque algo não parece perfeito, ou não está no sitio certo, não significa que isso deve afectar o seu lançamento.

Estes pequenos problemas são coisas que podem ser resolvidas depois do lançamento.

Aliás, deve sempre rever a forma comop os seus visitantes estão a utilizar e a interagir com o site, de forma a garantir que está o mais optimizado possivel.

Gosta da nossa metodologia? Então vamos conversar, sem compromisso, agende uma chamada e receba 1 hora de consultoria para desenvolvimento do seu website, completamente gratuita! Entre em contacto aqui.

Tempo e Prazos

Na Intuitiva, levamos em média 8 a 16 semanas a criar um site profisional novo, com acompanhamento dedicado, apoio na concepção do branding e/ou identidade visual, assim como criação dos conteúdos e na optimização para motor de busca (SEO).

Websites como lojas online, podem levar mais tempo consoante a dimensão e exigêncis do catálogo.

Já uma landing page ou um website mais simples podem ser feitos em 2 a 4 semanas

Perguntas Frequentes na Criação de Sites

Próximo passo?

Pede-nos uma proposta personalizada para criar o teu site profissional!

CRIAMOS SITES OTIMIZADOS PARA GERAR MAIS LEADS

Chegaste até aqui, porque não dar o próximo passo?

Preciso de Ajuda